Segurança Alimentar

Home/Nutrição Geral/Segurança Alimentar

Segurança Alimentar

Segurança Alimentar para Toda a Família

Cozinha Segura

Food SafetyNo tema da alimentação mais segura, é importante todos estarem cientes dos perigos inerentes a um mau manuseamento dos alimentos. Cada dia, milhões de pessoas adoecem e milhares morrerão de uma doença de origem alimentar evitável. Estima-se que mais de 200 doenças são transmitidas através da nossa alimentação. A boa notícia é que o manejo adequado dos alimentos pode impedir a maioria destas doenças. A população com maior risco são as grávidas, crianças pequenas, idosos e indivíduos imunodeprimidos.

Podemos começar com a prevenção. A contaminação dos alimentos pode ocorrer em qualquer fase, desde a produção à mesa, mas a maioria das doenças transmitidas por alimentos são causadas durante a preparação de alimentos.

Em baixo, está um resumo de “Cinco Chaves para uma alimentação mais Segura” da Organização Mundial da Saúde (World Health Orgainization ou acrónimo WHO). Leia para ver o quão perto você está de manter uma Cozinha Segura.

Mantenha a Limpeza

  • Lave as mãos antes de iniciar a preparação dos alimentos e, frequentemente, durante todo o processo. Lave as mãos depois de ir à casa de banho.
    • Para melhores resultados, lave por 20 segundos em água corrente com sabão. A temperatura da água é menos importante do que a duração do tempo de lavagem e do grau de fricção criado. Use uma escova de unhas para limpar debaixo de suas unhas.
  • Higienize todos os equipamentos, superfícies e utensílios utilizados na preparação dos alimentos.
  • Proteja a área da cozinha e comida de insetos, parasitas ou outros animais.
  • Use um pano de louça novo diariamente. Se você usar esponjas, ponha no micro-ondas por um minuto no máximo e assim vai-se livrar de uma parte significativa de bactérias. Certifique-se que a esponja está molhada para que não pegue fogo. Além disso, não use o micro-ondas se a esponja tem metal.
  • Limpe o interior da sua máquina de lavar loiças, incluindo os selos de borracha regularmente com uma Washing Handssolução de água sanitária ou desinfetante. Leveduras pretos, que são resistentes às temperaturas elevadas e detergentes podem crescer ai, e podem causar uma infeção da pele rara (micetoma) ou complicações pulmonares.
  • Se você lavar a louça à mão ou na máquina de lavar, é importante lavar as partículas de alimentos que tenham ficado logo depois de comer. Quanto mais tempo a comida ficar no prato, mais possibilidades há de crescerem bactérias, e mais difícil de limpar completamente.
  • Proteja as áreas de preparação e os alimentos de insetos e outros animais.

Separe Alimentos Crus de Alimentos Cozinhados

  • Separe carne e peixe crus de outros alimentos.
  • Utilize diferentes equipamentos e utensílios, como facas ou tábuas de corte, para alimentos crus e alimentos cozinhados.
    • Tente ter tábuas de corte separadas, uma para carne / peixe produtos e outro para frutas / verduras frescas. Limpe cuidadosamente com água e sabão. Se a superfície de uma tábua estiver tão maltratado que você ainda pode ver os restos de comida depois de limpá-lo, compre uma nova tábua de corte.
  • Guarde os alimentos em embalagens ou recipientes fechados, para que não haja contacto entre alimentos crus e alimentos cozinhados.

Cozinhe Bem os Alimentos

  • Deve cozinhar bem os alimentos, especialmente carne, ovos e peixe
  • As comidas como sopas e guisados devem ser cozinhadas até ferver, para garantir que atingiu temperaturas acima dos 70 ºC. No caso das carnes, assegure-se que os seus exsudados são claros e não avermelhados. Use um termómetro para confirmação.
  • Se reaquecer alimentos já cozinhados assegure-se que o processo é o adequado. Reaquecer os restos sólidos a 74 ºC e os restos líquidos até ferver. Tire fora o que você não terminar.

Mantenha os Alimentos a Temperaturas Seguras

  •  Não deixe alimentos cozinhados, mais de 2 horas, à temperatura ambiente.
  •  Refrigere rapidamente os alimentos cozinhados e/ou perecíveis (preferencialmente abaixo de 5 ºC).
    • Use um termómetro de frigorífico para verificar. Os melhores resultados da leitura são recebidos quando o termómetro é colocado no meio de uma prateleira do meio.
  • Mantenha os alimentos cozinhados quentes (acima de 60 ºC) até ao momento de serem servidos.
  • Não armazene alimentos durante muito tempo, mesmo que seja no frigorífico. Até quatro dias no frigorífico. Se deseja armazenar mais de quatro dias, use o congelador.
  • Não descongele os alimentos (exceções de pães, bolos e bolachas) à temperatura ambiente. Pode descongelar:
    • No frigorífico, 4 horas para cada 450 g de aves e 9 horas para cada 450 g de carne.
    • Em água fria. Coloque o alimento num recipiente à prova de água e mergulhe em água fria. (se estiver a usar a pia, certifique-se que está limpa e desinfetada) A água tem de ser mudada cada 30 minutos até que o alimento esteja completamente descongelado.
    • No micro-ondas em configuração de descongelar. Gire muitas vezes. Certifique-se de produto inteiro é descongelado antes de cozinhar (com exceção dos vegetais).

Use Água e Matérias-Primas Seguras

  • Use água potável ou trate-a para que se torne segura.
  • Selecione alimentos variados e frescos.
  • Escolha alimentos processados de forma segura, como o leite pasteurizado.
  • Lave frutas e vegetais, especialmente se forem comidos crus.
  • Não use alimentos com o prazo de validade expirado.

Para ter um panfleto desta informação simples de WHO, visite este link:
World Health Organizations Five Keys to the Prevention of Foodborne Illnesses

Referências:
World Health Organization
U.S. Food and Drug Administration
Nutrition Action Health Letter. Safe at Home. (Novembro 2011)

Leave A Comment